Obras são executadas nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) em Jussara
14/04/2020
Novo Decreto de Flexibilização dos comércios
28/04/2020

CoronaVírus – Governo de Jussara irá distribuir máscaras gratuitamente para pessoas carentes.

O prefeito Wilson Santos assinou o decreto nº 091/2020, de 20 de abril, adequando as determinações municipais e com adesão às disposições constantes no Decreto Estadual nº 9.653 de 19 de abril de 2020 em todos os seus termos.

Por determinação do governo municipal, o município irá distribuir máscaras para as pessoas carentes ou sem condição de adquirir o produto facilitando assim o cumprimento do uso obrigatório pela população ao sair de casa. A distribuição gratuita das máscaras de pano começa na quarta-feira, 22/04, na sede da Prefeitura, mas os interessados precisam observar regras de distanciamento de pelo menos 1,5 metros para evitar aglomeração.

O novo decreto do Governo de Goiás estabelece regras para os próximos 150 dias.

O QUE ABRE:

Farmácias, clínicas de vacinação e laboratórios de análises clínicas e unidades de saúde, exceto as de cunho exclusivamente estético;

Cemitérios e serviços funerários;

Supermercados (com proibição de consumo no local);

Hospitais e clínicas veterinárias e estabelecimentos que forneçam insumos a essa área;

Lojas de produtos agropecuários;

Agências bancárias e casas lotéricas;

Estabelecimentos que fornecem bens e serviços essenciais à saúde, alimentação e higiene;

Indústrias que atuem no fornecimento de insumos à manutenção da saúde humana e animal;

Serviços de call center ligados às áreas de alimentação, saúde, segurança, telecomunicações e de utilidade pública;

Atividades de informação e comunicação;

Serviços de segurança privada;

Empresas de transporte coletivo e privado (incluindo transportadoras e empresas de aplicativos);

Empresas de saneamento, energia elétrica e comunicações;

Hotéis (ter no máximo 65% da taxa de ocupação e para abrigar prestadores de serviços essenciais ou para para fins de tratamento de saúde);

Atividades de extração mineral (medir a temperatura dos funcionários diariamente, liberando os que estiverem com febre);

Concessionárias de veículos, oficinas, borracharias e lojas de peças;

Estabelecimentos que produzam, exclusivamente, insumos para combate à pandemia;

Profissionais liberais, desde que sem atendimento presencial;

Feiras livres de hortifrutigranjeiro (vedado consumo no local);

Atividades administrativas em instituições de ensino;

Assistência social e atendimento à população em estado de vulnerabilidade;

Construção civil (com horários escalonados para evitar aglomerações, utilizando veículos próprios ou alugados para transportar os funcionários sentados e medindo a temperatura deles diariamente, liberando os que estiverem com febre);

Atividades comerciais e prestação de serviço mediante entrega e drive thru;

Atividades de conservação de patrimônio e controle de pragas;

Atividades de manutenção e insumos necessários ao funcionamento dos serviços públicos e estabelecimentos autorizados a funcionar;

Lava jatos e lavanderias;

Salões de beleza e barbearias (com apenas 50% de sua capacidade);

Empresas de vistoria veicular;

Restaurantes e lanchonetes em postos de combustíveis desde que situados às margens de rodovias;

Transporte aéreo e rodoviário de cargas e intermunicipal e interestadual de passageiros;

Cartórios;

Atividades religiosas (apenas uma duas ou uma celebração por semana – dependendo da cidade -, medição de temperatura de todos os fiéis, disponibilizar local para higienização das mãos, lotar o máximo de 30% de sua capacidade e proibir o contato físico e a entrada de idosos).

O QUE FECHA:

Aulas na rede pública e privada;

Bares e boates;

Comércio em geral (exceto os citados acima);

Eventos públicos e privados, inclusive em áreas comuns de condomínios;

Atividades em clubes recreativos e parques aquáticos;

Aglomeração de pessoas em parques e praças.

Fonte: Ascom do Governo de Jussara
Texto: N A Jornalismo